Centenas se reúnem em adoração e chuva cai sobre cidade atingida por incêndio nos EUA

O líder de louvor cristão, Sean Feucht, junto de sua equipe de adoração, fizeram uma nova turnê, que teve início na quinta-feira (29), em Montana, EUA. 

Com o movimento “Let Us Worship”, eles revelam que estão vendo muitos milagres acontecendo. Num vídeo compartilhado pelo Instagram, Sean contou que começou a chover durante a primeira música do ensaio. 

Para o cantor, isso foi um sinal de Deus, já que o estado vem lutando contra incêndios florestais e a chuva só estava prevista para domingo (01).

“Começou a chover bem no momento em que tocamos o primeiro acorde, na noite de ensaio. Essa foi uma resposta às orações feitas por causa dos incêndios florestais que assolam este estado”, disse. 

Sobre o movimento

Com uma população de quase 6 mil pessoas da pequena cidade de Lewistown, centenas se reuniram em campo aberto e foi possível ver que muitos estavam em busca do poder de Deus e de cura. Alguns se emocionaram e caíram de joelhos, com lágrimas escorrendo pelo rosto.

O movimento “Let Us Worship” viajou para a cidade de Kalispell na sexta-feira, onde o Espírito de Deus se espalhou sobre milhares de pessoas, no condado de Flathead.

“Deus está incendiando até mesmo as cidades mais remotas. Quase 4 mil pessoas derramaram seus corações em adoração, nesta noite”, Sean postou em seu Instagram.

A turnê em Montana, continuou seguindo para Great Falls, no sábado e terminou em Billings, no domingo.

Testemunho

Sean compartilhou uma história inspiradora de um jovem chamado Aaron, que estava perdido, mas entregou sua vida a Cristo um ano atrás. Ele permanece sóbrio desde então.

Segundo Sean, a mãe de Aaron participou de um evento “Let Us Worship” no verão do ano passado, na Califórnia, quando ela pediu ao cantor que orasse por seu filho, que era viciado em drogas e vivia nas ruas.

“Oramos com urgência naquela noite para que Deus encontrasse seu filho. Aaron se tornou a representação do ‘filho pródigo’ que seria o troféu da graça de Deus. Ele se tornou um avivalista ardente desde aquele momento levando muitos a Jesus”, disse Sean, que conheceu o jovem pessoalmente, no último sábado.

“Nós comemoramos juntos e celebramos Jesus. Waw, Aaron é a imagem profética de uma geração inteira que se voltará para Deus. Não podemos parar de orar”, exclamou o líder da banda.

Aaron teve a oportunidade de compartilhar seu próprio testemunho, explicando que ele era um “fantoche de Satanás” e que estava “destinado à morte”. 

“Quando despertei, pensei: ‘O que estou fazendo da minha vida?’ Imediatamente, comecei a chorar e a falar com Deus — ‘Eu quero te conhecer, eu quero te amar, Pai.’ E eu pude sentir o poder descendo sobre mim. Eu sabia que estava seguro”, compartilhou.

Aaron conta que, depois dessa experiência, entregou a vida a Cristo. “Eu me rendi a Ele e compreendi que não fazia mais sentido deixar o mal habitar em meu corpo”, disse.

O jovem convertido contou que está consertando seu próprio trailer e que planeja viajar pelo país para divulgar o Evangelho. 

Let Us Worship (Deixe-nos adorar)

Sean começou o movimento “Let Us Worship” no ano passado, enquanto os estados estavam reprimindo as igrejas e proibindo os cultos dominicais. 

Foi então que o cantor passou a fazer eventos de adoração ao ar livre, viajando de um estado para outro, como forma de protesto e como estratégia para espalhar o avivamento pela América, como ele mesmo explica.

O cantor disse que não tem planos de parar com os eventos, que descreve como “cheios do Espírito e que levam esperança e cura para tantos”. 

“Let Us Worship” continuará a viajar pelos Estados Unidos durante o mês de agosto e, em seguida, vai se preparar para o “The National Mall”, em Washington, de 11 a 12 de setembro.

Mais de 35 mil pessoas se reuniram no icônico gramado em outubro passado, onde Sean proclamou para a multidão que “Deus está se movendo na América”. 

Fonte: Guiame / Com informações CBN News / Foto: Reprodução/Twitter/LetUsWorship (02.08.21)

Rádio Vox Bahia –  Muritiba

Fundacao Ame De Comunicacao, Cultura, Educacao e Assistencia Social

Open chat